manejo

Manejo ecológico de pragas e doenças

R$24,00

Nesta obra de referência na ciência agronômica, a autora de renome internacional cita várias “pragas” e doenças e busca corrigir as causas, ao contrário de receitar venenos que somente atuam nas consequências. Ana Primavesi apresenta uma coletânea de métodos de combate biológico, bem com os melhores métodos de manejo, e ensina como evitar a manutenção do problema.

A cientista explica que as “pragas”, assim chamadas pelos homens, são indicadores naturais da fragilidade da saúde da planta. Insetos e doenças são sintomas de uma deficiência (ou excesso) de nutrientes na planta. “Pragas” não são capazes de digerir plantas sadias, porque não possuem enzimas para digestão de substâncias completas, somente as incompletas.

Da capacidade de se observar a natureza, de entender e interpretar as inter-relações solo-micro-vida-planta-clima, os ecossistemas, as sucessões, os ciclos vitais e os equilíbrios dinâmicos que representam, a agroecologia desponta como única alternativa para a manutenção da vida dos solos e, portanto, da vida de todos os seres contra a devastação provocada pelo uso intensivo de agrotóxicos. Um livro para estudantes de agroeconomia e agroecologia, professores, pesquisadores, camponeses e militantes sociais.

REF: Manejo ecológico de pragas e doenças Categorias Agroecologia, Etiquetas: Agroecologia, Ana Primavesi, Coleção Agroecologia, Expressão Popular, Série Ana Primavesi

Fora de estoque

REF: Manejo ecológico de pragas e doenças Categoria Etiquetas: , , , ,

Autor:
Ana Primavesi

Número de páginas:
144

ISBN:
978-85-7743-286-9

Editora:
Expressão Popular

Descrição do produto

ana-maria-2Ana Primavesi nasceu na Áustria, cursou faculdade de agronomia naUniversidade de Viena, onde também fez seu doutorado em nutrição vegetal e produtividade do solo. Veio para o Brasil no pós-guerra e foi professora e pesquisadora da Universidade Federal de Santa Maria/RS. Fundou e chefiou os laboratórios de química e de biologia do solo, publicando inúmeros livros e trabalhos sobre Agroecologia. Em 2012, recebeu da International Foundation of Organic Agricultural Moviment (IFOAM), o maior prêmio mundial de Agroecologia.

Informação adicional

Peso 0.241 kg